Indústria 4.0

Telecom e a Quarta Revolução Industrial

Hoje em dia, quando se fala em tecnologia da informação, logo se pensa em indústria 4.0 e todos os benefícios que ela vem trazendo para diversos meios, como os de produção em diferentes áreas de mercado.

Mas afinal de contas, do que se trata essa a indústria 4.0 e qual sua relação com as empresas de telecomunicação?

Neste artigo você terá acesso a essas e outras informações importantes referentes à telecomunicação na indústria 4.0. Então para saber mais, continue a leitura deste post até o final!

Leia também: https://link.springer.com/content/pdf/10.1007/978-981-10-6301-5.pdf

Indústria 4.0
Fonte: https://blindagemdeprocessos.com/2016/11/08/industria-4-0/

A Indústria 4.0 e a telecomunicação

Muitas empresas, a partir da Quarta Revolução Industrial, têm sido desafiadas a aperfeiçoar os produtos ou serviços que oferecem, em uma tentativa de manter os clientes sempre satisfeitos.

No ramo da telecomunicação não é diferente. Por existirem hoje, milhões de dispositivos conectados (estima-se que, agora em 2020, o número cresça para cerca de 26 milhões) em rede de dados, as empresas que prestam este tipo de serviço precisarão se adaptar aos novos avanços.

Conheça os Planos de Celular da TIM agora mesmo: MaisTim.com.br

Redes automatizadas e novos pacotes de serviços eficientes precisarão ser lançados pelas empresas de telecomunicação, para que haja conexão de qualidade para todos os tipos de usuários.

No entanto, além de conexão veloz e consistente, será preciso investir fortemente em segurança na web, pois como muitos afirmam, a rede sem fio é uma das mais vulneráveis formas de conexão existentes.

Já na indústria 4.0, todas as tecnologias dependerão de conexão em rede de dados e, se esta não for rápida, segura e consistente, todo o sistema poderá falhar.

Pode-se concluir então que, as empresas de telecomunicação tem fator fundamental para a evolução das indústrias 4.0, que estão se automatizando, ou seja, estão se utilizando as mais modernas tecnologias, como a robotização, a inteligência artificial e a internet das coisas para se adequar ao mercado e poder competir com as demais do mesmo ramo.

E para que as empresas de telecomunicação consigam oferecer este tipo de conexão de dados, será necessário realizar o mesmo tipo de adaptação em seus próprios sistemas.

Saiba mais sobre o tema: https://ieeexplore.ieee.org/abstract/document/7883994/ 

Internet das coisas

Bem, não tem como falar em indústria 4.0 e telecomunicações sem citar a internet das coisas.

É um ecossistema tecnológico, onde é feita a conexão entre objetos, ou seja, eles passam a conversar entre si.

Um exemplo disso é o envio de informações de saúde, como nossa pressão arterial ou batimentos cardíacos, medida por meio de um smartwatch, para o médico responsável onde, após verificar os dados, ele retorna com recomendações de alimentação saudável ou prática de atividades físicas.

Neste mesmo instante, você recebe uma notificação de sua casa, informando que faltam verduras, frutas e legumes em sua geladeira e, com isso a central multimídia do automóvel indica o supermercado mais próximo, traçando a rota e calculando o tempo até sua chegada neste estabelecimento.

Outro exemplo do uso dessa tecnologia está nas casas automatizadas, onde tudo está ligado em rede e centralizado em um único dispositivo, que tem a capacidade de controlar todos os eletrônicos, eletrodomésticos, lâmpadas, etc., seja por comando de voz ou por toques na tela.

Isso é a internet das coisas e, parece futurista demais e até mesmo improvável, mas já está acontecendo e é muito mais comum do que imaginamos.

E toda essa ligação está diretamente relacionada as empresas de telecomunicações que precisarão se apropriar de outros produtos, além dos dados móveis, para que conquistem os clientes e consigam mantê-los.

Então oferecer um serviço com preço mais baixo não será o suficiente. Será necessário investir em qualidade, proteção de informações e segurança no tráfego, tanto para consumidores finais quanto para empresas que migrarão suas tecnologias para as da indústria 4.0.

Indústria 4.0
Fonte: https://cidadesmaisinteligentes.blogosfera.uol.com.br/2018/11/05/estamos-preparados-para-a-4a-revolucao-industrial/

Inteligência artificial

A inteligência artificial é um mecanismo desenvolvido com capacidades de agir por conta própria. Criado com diversos algoritmos de aprendizado de máquina, é uma espécie de cérebro artificial, que toma determinados tipos de decisões desde que esteja programado para tal.

Na indústria 4.0, estes mecanismos são muito comuns nos famosos robôs, que substituem o trabalho humano em operações de máquinas que oferecem alto nível de periculosidade, o que evita diversos acidentes de trabalho.

Já em nosso dia-a-dia, a inteligência artificial também está presente nos dispositivos móveis, como a Siri da Apple, o Google Assistente e a Alexa da Amazon.

E por falar em Alexa, a Amazon criou uma smartspeaker (caixa de som sem fio) com um sistema de assistente virtual que, pode se conectar com a internet e realizar pesquisas de músicas em serviços de streaming, e muito mais. É mais um exemplo de que a automatização está cada vez mais ao alcance das pessoas.

Leia também: https://www.academia.edu/download/60918575/Industry_4.0_-_final_published_version20191016-119894-1i8l27n.pdf

Neste artigo você pôde conhecer um pouco mais da importância que as empresas de telecomunicação terão dentro da indústria 4.0 e o que elas precisarão fazer para se adequar ao sistema.

Você teve acesso também a informações relacionadas a internet das coisas, a robotização e a inteligência artificial e qual sua ligação com a indústria 4.0 e com as empresas de telecomunicação.

Ficou com alguma dúvida ou quer expor sua opinião? Deixe o seu comentário aqui embaixo!